terça-feira, 27 de julho de 2010

Audiiencia para colher depoimento de sacerdotes é marcada para o dia 03 de agosto.

A Delegacia de Polícia Civil que combate crimes discriminatórios marcou para as 13 horas do dia 3 de agosto, o depoimento dos sacerdotes do Mansu Nangetu que sofreram constrangimento por intolerância religiosa.
Arthur Leandro, o Táta Kinamboji, pede que Antônio Paulo dos Santos, Dellean Cardoso, Gianno Quintas e Laliana Alho, que testemunharam o ato, também compareçam perante a delegada Lucinda Antunes na data e hora marcada, é na delegacia de combate a crimes discriminatórios - Av. Magalhães Barata ao lado do Colégio Gentil Bittencourt - antigo prédio da CELPA.

Um comentário:

Kate Wasques disse...

Agradeço os emails solidários que amigos afros... de Belém e outros estados nos manda. É bom saber que, mesmo longe, temos apoio. Isso é importante ao mundo de Intolerância em que vivemos. Esperamos juntos, que as entidades governamentais, aprimorem mais seus funcionários á que não venham nos injustiçar desta forma. Que os Nkisses nos protejam sempre....